Expansão de rede: utilize a inteligência de dados na sua estratégia de aumento de base

Expansão de rede: utilize a inteligência de dados na sua estratégia de aumento de base

por Mariana Forlin | 28.07.17 | em Análise de Dados e Estratégia

Os provedores regionais estão liderando a expansão de rede de banda larga no Brasil. Somente em 2016, os ISP foram responsáveis por 70% das novas assinaturas do serviço de internet, chegando a um crescimento anual de 20% contra os 3% das grandes operadoras. Os dados são da Agência Nacional de Comunicação (Anatel) - ela ainda aponta que os ISP brasileiros são donos de 30% das conexões via fibra óptica. Esses números devem aumentar ainda mais, já que o Governo Federal têm investido em novas políticas para o setor. Mas como as empresas devem se preparar para aproveitar essas oportunidades?

O primeiro passo é organizar a casa: a contabilidade, a gestão de pessoas e mapear processos para deixar o dia a dia mais produtivo. O segundo é investir na compliance do provedor, já que para aproveitar as oportunidades de financiamentos para o setor é necessário sair do fosso tributário. A terceira fase é um planejamento minucioso para que a expansão de rede aconteça sem gerar dividendos para a empresa. Em Por que é importante ter um planejamento estratégico para o provedor, mostramos um passo a passo para iniciar esse documento.

É necessário incluir a coleta e análise de dados nesse planejamento estratégico, não apenas porque as empresas Data Driven têm se destacado no mercado, mas também porque estamos na era da personalização da experiência do usuário. Analisar o seu público, entender quais os seus concorrentes, fazer uma análise minuciosa do mercado e direcionar as ofertas de serviços para os clientes potenciais, reduzem o ciclo de vendas e otimizam os ganhos do provedor.

Quer saber mais como a inteligência de dados pode tornar a expansão de rede do seu provedor mais rentável? Continue a leitura do artigo!

4 dicas para incluir a inteligência de dados na expansão de rede do provedor

Fazer análise de mercado

A análise de mercado é uma das partes mais importantes do planejamento estratégico do provedor. Ela é fundamental para que a gestão tenha uma visão mais realista dos negócios. No entanto, é comum que o panorama do mercado seja construído com base nas percepções e experiências dos seus líderes, mas quando falamos em fazer análise de mercado, estamos nos referindo à busca de pesquisas, dados e estudos que asseguram as tomadas de decisão da empresa. E por que a análise de mercado é tão importante para a expansão da rede? Porque as mudanças tecnológicas acontecem rapidamente e mudam o hábito de compras dos consumidores, oportunidades podem ser descobertas - descobrir um bairro que não tem boa infraestrutura de internet, por exemplo-, identificar riscos e evitar que recursos sejam perdidos em decisões erradas.

Estudo de perfil do público

Não vai demorar muito para os atuais modelos de negócios pararem de funcionar. O futuro para empresas de diferentes ramos é se tornar data driven company, ou seja, não apenas tomar decisões baseadas em dados, mas também colocar esse fluxo de trabalho na cultura do provedor. Organizar dados, analisar indicadores e monitorar estratégias são algumas formas de tomar decisões baseadas em dados. Mas qualquer estratégia passa antes pelo perfil do público ideal. Esse ponto é importante para orientar ações de marketing, entender os hábitos de compras e assim escolher técnicas de prospecção que mais geram resultado para essa persona, além de alinhar estratégias. Se o seu provedor ainda não definiu qual o seu público-alvo, acesse os artigos: Quais as oportunidades que um provedor de internet está perdendo por não conhecer o seu público e Como os provedores podem utilizar o marketing digital para identificar o cliente ideal.

Pesquise onde a imagem da concorrência está mais enfraquecida

A análise de concorrentes faz parte da análise de mercado e isso não é novidade. Mas como utilizar os dados dos seus concorrentes para otimizar a rentabilidade da rede de fibra óptica? Você pode utilizar essas informações para tornar os preços do seu provedor mais competitivo, mas também identificar clientes que não estão satisfeitos com o concorrente e oferecer um pacote de serviços de internet que possam solucionar essa insatisfação. Uma boa prática é investir em ferramentas de monitoramento como o Google Alerts e o Social mential.Além de descobrir os clientes insatisfeitos também é possível mapear a região que apresenta mais problemas com a concorrência e, portanto, estão mais propensas a trocar de internet. Para saber mais sobre o assunto, acesse os artigos: Como entender seus concorrentes pode te ajudar a se tornar um dos melhores provedor de internet e O que é big data e como ele pode contribuir para a gestão de provedores.

Está sem tempo? Invista em um software de inteligência de dados.

O mercado dos provedores regionais é competitivo e, muitas vezes, faltam mãos dentro da empresa para cuidar de várias atividades ao mesmo tempo. Se o seu provedor está em fase de crescimento e não há tempo para cuidar da gestão, infraestrutura e ainda coletar dados dos usuários e concorrentes para investir em novas estratégias de vendas, pense na possibilidade de investir em um software de inteligência de dados. O DataMap ISP da Cianet, por exemplo, foi projetado para atender as necessidades dos provedores regionais. Além de ajudar o provedor a conhecer melhor a sua concorrência e seus clientes, a solução ainda contribui para uma análise de mercado eficaz e que os vendedores possam fazer ofertas de negócios e serviços com foco no público-alvo da empresa.

Quer saber mais como um software de inteligência de dados pode tornar a expansão de rede do seu provedor mais simples? Clique aqui e conheça todas as vantagens do DataMap ISP.