Blog

Provedores de internet regionais: como vencer a concorrência

Dados divulgados pela Anatel, em 2019, revelam que os provedores de internet regionais formavam o principal grupo de fornecedores de banda larga no Brasil. O número é maior do que a fatia que pertence a grandes empresas do mercado. 

Embora os dados tenham mostrado uma vantagem dos pequenos provedores de internet, as maiores empresas ainda conseguem ser mais competitivas. Isso porque podem oferecer pacotes de serviços com menor custo e, com isso, atrair mais clientes. Vencer a concorrência é um grande desafio para os provedores de internet regionais, mas neste artigo, você vai descobrir como enfrentá-lo.

 

Mercado de provedores e a demanda por internet no Brasil

 

Em 2019, o número de provedores de internet regionais aumentou 32,5% em comparação com o ano anterior, segundo a Anatel. Essas pequenas empresas foram responsáveis por levar a internet para as regiões mais afastadas do país, encerrando o ano com 7,45 milhões de conexões. 

Os pontos de acesso registrados foram maiores do que os da Claro, líder na classificação das operadoras de internet. No entanto, isso não é suficiente para fazer com que um pequeno provedor consiga se diferenciar diante de uma empresa que tem nome no mercado e recursos para atender uma demanda maior, além de oferecer mais benefícios ao cliente.

Apesar da vantagem financeira, grandes empresas de internet ainda falham em diferentes aspectos, como a qualidade no atendimento e a entrega de um serviço consistente. A Claro, por exemplo, teve aumento de 91% nas reclamações relacionadas com o serviço de internet, só  no 1° semestre de 2020. 

Esse dado revela uma oportunidade para os provedores de internet regionais que querem crescer, mas não sabem como competir. A seguir, você vai conferir algumas dicas que vão te ajudar a vencer a concorrência.

 

7 dicas para provedores de internet regionais vencerem a concorrência com as grandes empresas

Analise os pontos negativos do concorrente

Os pontos negativos do concorrente revelam oportunidades para impulsionar o seu negócio. Tendo essas informações em mãos, você consegue avaliar os serviços da sua empresa e identificar pontos em que consegue se diferenciar. Por exemplo, o concorrente não atende determinada região, comece a expandir o seu negócio para esse local.

 

Invista em equipamentos de qualidade

A qualidade dos equipamentos de seu provedor não pode ficar aquém da oferecida pelo concorrente. Se não for possível ter uma qualidade superior, sua empresa deve, no mínimo, estar em pé de igualdade. Busque fornecedores que entregam qualidade e contam com soluções diferenciadas.

 

Capacite e motive sua equipe técnica

A rotatividade em empresas maiores é grande e isso faz com que não seja possível oferecer o treinamento adequado aos profissionais. Empresas menores conseguem ter um relacionamento mais próximo com o colaborador, criar conexão e construir uma relação de confiança. Isso é fundamental para que o profissional se sinta mais motivado. 

Além disso, os treinamentos são importantes para que os profissionais consigam resolver os problemas dos clientes, atuar de forma mais estratégica e otimizada.

 

Ofereça um atendimento humanizado

Os serviços de telefonia e internet estão sempre entre os que mais recebem reclamações relacionadas com o atendimento. Como falamos no tópico anterior, a rotatividade e outros aspectos prejudicam a relação das empresas com esses colaboradores. Falta, também, treinamento para que o atendente consiga lidar com as demandas do cliente.

Oferecer um atendimento humanizado, com uma equipe preocupada em solucionar o problema deve ser prioridade para o provedor. Um atendimento de qualidade e mais próximo é capaz de conquistar o cliente e fidelizá-lo.

 

Reduza os custos 

Administrar uma empresa exige atenção com diferentes aspectos, principalmente com os custos. Gastar mais do que se ganha é prejudicial para o negócio e impede a criação de ofertas para os clientes. Avalie as despesas do seu negócio e encontre formas de reduzir custos desnecessários, como consumo alto de energia e materiais descartáveis, por exemplo.

 

Estude a sua precificação

Cobrar mais barato nem sempre é uma boa opção para ganhar concorrência. Grandes empresas conseguem investir mais, divulgar mais, conquistar mais clientes e ter um retorno maior. Por isso, investem em ofertas que os provedores menores não conseguem replicar. 

Ao estudar a precificação, você vai conseguir identificar se está cobrando o valor certo pela oferta do seu serviço. O cliente vai escolher a sua empresa pelos diferenciais que ela oferece, fatores que devem estar além do preço. Isso vai gerar valor para o negócio, aumentar a confiança do cliente e atrair um público maior.

 

Invista em marketing

As maiores empresas do setor investem muito em marketing. Estão na TV, no rádio, nas redes sociais e em todos os lugares que o cliente imaginar. Essa divulgação faz com que sejam lembradas quando o consumidor precisa contratar um serviço de internet. Mas lembre-se que, mesmo com um investimento menor, é fundamental estudar as melhores práticas e estratégias de marketing para alcançar o seu público e obter bons resultados. 

Quer saber como o marketing digital pode te ajudar a atrair mais clientes? Baixe o e-book “Como provedores podem gerar mais vendas com Marketing Digital”. Ouça também o nosso podcast, que no primeiro episódio abordou estratégias de marketing para provedores de internet.

Tendências pós-pandemia: 7 oportunidades para os provedores regionais

 

Compartilhar:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comparar Produtos ()