Blog

Por que o seu provedor deveria investir em redes sociais?

Ter presença digital já não é um diferencial há muito tempo. Estar nas redes sociais se tornou obrigatório para qualquer segmento de negócio. O público espera encontrar informações sobre a empresa na internet e, mais que isso, se relacionar com ela. Não é diferente com os provedores regionais, que precisam investir em redes sociais, principalmente por serem empresas que oferecem serviço de internet. Portanto, é fundamental estar na internet.

Se o seu provedor ainda não está presente nas redes sociais, essa deve ser uma resolução urgente, mas, ainda assim, cheia de cuidados. Afinal, é preciso estar atento à imagem que a empresa quer passar para o mercado.

Para te ajudar a começar nas redes sociais e saber como se posicionar, preparamos este artigo, com dicas práticas e valiosas. Confira agora e já dê o primeiro passo para investir em redes sociais.

O que é preciso observar para investir em redes sociais?

1. Entenda o tipo de conteúdo que é relevante para cada rede social

Antes de iniciar os primeiros posts nas redes sociais do seu provedor, é importante que você entenda que para cada rede social cabe um tipo de conteúdo

Por exemplo, o Instagram é uma rede social muito visual, em que você deve se preocupar com fotos bem produzidas e vídeos curtos com ofertas, lançamentos e eventos patrocinados pela sua empresa.

Já o Facebook é uma rede social em que se preza mais pelo entretenimento e os conteúdos mais acessados são em vídeo. O Facebook também é uma rede que possibilita gerar tráfego para outros sites, levando para o blog da sua empresa, por exemplo.

Há ainda o LinkedIn, para conteúdos com foco corporativo; o YouTube, para vídeos mais longos, como tutoriais; entre outros. O importante é que o conteúdo esteja adequado a cada rede social, pensando no público que você deseja alcançar. 

No caso do LinkedIn, você pode produzir materiais focados sobre internet para empresas ou hotéis, por exemplo. Por isso, o ideal é que você identifique quais públicos deseja conquistar, para adaptar sua linguagem e comunicação em cada rede.

 

2. Atente-se para a estética dos conteúdos

Além de postar conteúdos relevantes para o seu público-alvo, é importante que você cuide da estética das suas redes sociais. Isso significa manter um padrão visual nas postagens, seguindo uma identidade visual única para trazer credibilidade e profissionalismo para o seu provedor.

É comum que, ao começar a investir em redes sociais, as empresas não tenham essa preocupação, postando conteúdos com cores variadas e usando fontes diversas, por exemplo. É preciso cuidar desses detalhes, padronizando uma paleta de cores e um estilo de fonte único. Isso sem dúvidas é bem-visto pela audiência. 

Portanto, avalie a possibilidade de qualificar sua atuação nas redes sociais por meio de cursos online de marketing digital ou ainda, se possível, contratar uma agência de publicidade para orientar a sua empresa nesse processo. Você também pode contratar um profissional de marketing digital por demanda, que tem um custo-benefício muito atrativo.

3. Ouça o seu público e ofereça aquilo que ele espera


Antes de começar a postar, é importante realizar um planejamento de conteúdo de acordo com o seu público-alvo. Depois das primeiras postagens, é importante ir observando o comportamento das pessoas que interagem com a sua marca.

Elas fazem muitas perguntas? Reclamam? Dão sugestões? É a partir desse retorno que você saberá que rumo dar às suas redes sociais. Se os retornos não são positivos, certamente será necessário rever o planejamento. Entenda o que o seu público espera e procure entregar exatamente isso.

 

4. Tome cuidado com a interação relacionada a reclamações

É comum que clientes usem as redes sociais das empresas para reclamarem do serviço. Então, é preciso que você oriente a sua equipe sobre como responder esses usuários. O mais indicado é, publicamente, apenas informar que entrará em contato para entender a situação e resolvê-la da melhor maneira possível.

Não é recomendado responder diretamente pela rede social para evitar réplicas públicas. Isso pode gerar uma imagem negativa para o seu provedor. Portanto, tente sempre levar essas questões para o suporte, em vez de mantê-las abertas, podendo ser vistas por qualquer pessoa.

Leia também Bom atendimento ao cliente: saiba como fidelizar o seu público

 

5. Aproveite para fortalecer a sua marca

Investir em redes sociais é uma ótima maneira de ganhar visibilidade e tornar seu provedor mais competitivo. Mas para isso, sua empresa realmente saiba se comunicar e usar as redes sociais a favor da marca.

É muito importante estabelecer um posicionamento e segui-lo à risca. Isso garante que a sua marca comece a ser vista como autoridade na prestação de serviços de internet e contribui para aumentar o número de assinantes.

Essas são as 5 principais dicas que temos para o seu provedor começar a investir em redes sociais. Para aprofundar esses conhecimentos, recomendamos que você leia o e-book “Como provedores podem gerar mais vendas com Marketing Digital”, que traz mais dicas para atrair novos clientes.

marketing digital para provedores de internet

 

 

Compartilhar:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comparar Produtos ()