Por que investir em marketing digital para provedores de internet?

Por que investir em marketing digital para provedores de internet?

por Mariana Joenck | 06.12.16 | em Gestão e boas práticas

Como funciona o processo de venda em sua empresa hoje? A prospecção de novos clientes é feita por meio de ligações para o telefone fixo ou celular das pessoas? Você tem investido em propagandas na rádio ou televisão ou o seu orçamento não cabe esse tipo de gasto? Se você não sabe responder como um novo contrato é firmado ou acredita não contar com recurso suficiente para publicidade, talvez esteja na hora de sua empresa começar a investir em marketing digital para provedores de internet.

Mas o que é o marketing digital, afinal? Explicando de forma resumida, é uma metodologia que visa oferecer informações de qualidade e que seja do interesse do possível cliente com o objetivo de adquirir novos contratos, fidelizar a carteira de clientes e posicionar uma marca de forma positiva no mercado. Isso pode ser feito por meio de publicações em blogs, redes sociais ou campanhas de e-mail marketing.

Uma das vantagens do marketing digital para provedores é que não precisa de grandes investimentos para começar. A ferramenta inicial é força de vontade e engajamento da equipe em produzir conteúdos sobre o universo do ISP brasileiro. Os textos podem abordar assuntos como, por exemplo, “Como resolver pequenos problemas técnicos” ou “Como saber qual a velocidade de internet”.

Ficou interessado? Confira abaixo mais dicas de como ISP podem  investir em marketing  digital para provedores de internet.

5 motivos para investir em marketing  digital para provedores de internet

1) Atrair clientes e aumentar as vendas

No começo deste texto, perguntamos sobre o processo de prospecção de novos clientes por um motivo bem simples. Ao ligar para alguém que não conhece a empresa, o vendedor gasta mais tempo ao telefone porque ainda precisa explicar sobre o serviço de internet. Além disso, corre-se o risco de entrar em contato com uma pessoa que não tenha interesse em contratar um novo provedor e ela pode acabar avaliando a empresa de forma negativa.

Já no marketing digital para provedores, o possível cliente chega à empresa por meio dos conteúdos publicados. É ele quem coloca o seu e-mail ou o número do telefone nos formulários do site. Assim, as ligações podem ser mais breves e as chances de fechar um contrato são maiores.

2) O comportamento do consumidor mudou

Os consumidores gastam horas na internet pesquisando sobre o produto antes de partir para a loja física ou finalizar uma compra on-line. As informações são lidas em fóruns de discussão, em sites como o Reclame Aqui ou em depoimentos de clientes nos e-commerces. Ao investir em marketing digital para provedores e publicar informações relevantes para atrair esses usuários, o blog de sua empresa pode aparecer entre as buscas do Google. Isso faz com que os consumidores tirem as dúvidas em sua página e desçam no funil de vendas do seu provedor.

3) Segmentação de consumidores

Nós já alertamos sobre o risco de ser avaliado negativamente ao entrar em contato com alguém que não esteja interessado nos serviços de sua empresa. O marketing digital consegue direcionar as estratégias de vendas apenas para o seu público ideal. Além disso, existem ferramentas que permitem que as campanhas sejam direcionadas  para determinada região e faixa etária. Essa segmentação aumenta ainda mais as chances de vendas.

4) Gaste mais tempo do que dinheiro

Você prefere investir recursos em propagandas na televisão em que não consegue mensurar o retorno de investimento ou dedicar tempo em marketing digital para provedores? A maioria das estratégias consomem mais tempo do que dinheiro. Você pode criar conteúdos, divulgá-los em redes sociais e aplicar técnicas de SEO para que ganhe destaque na busca orgânica sem pagar muito por isso.

5) Mensuração eficaz de resultados

No marketing digital para provedores tudo pode ser medido. Os gestores conseguem saber quanto resultado trouxe aquela campanha paga via Google ADS ou qual o alcance orgânico do blog. E o mais importante de tudo: você consegue identificar se os clientes estão prontos para efetuar a compra à medida que avançam nos conteúdos do blog.

Quer conhecer o passo a passo para iniciar uma estratégia de marketing digital para provedores? Clique e baixe nosso eBook gratuito:

marketing digital para provedores